http://www.cinemista.com.br/wp-content/uploads/2011/09/dustin_hoffman_1.jpg

Antes da Fama: Dustin Hoffman

E você achando que a propaganda da montadora italiana foi a primeira vez que ele vendeu carro, né?

Todo mundo tá cansado de saber quem é Dustin Hoffman. Com quase 50 anos de carreira, o homem é uma lenda viva do cinema, com prêmios, sucessos e o escambal. É meio que público e notório que seu sucesso começou em 1967 com A Primeira Noite de um Homem e desde então sua lista inclui mais de 70 filmes, sem contar produções teatrais e participações. Recentemente ele foi visto em Entrando Numa Fria Maior Ainda com a Família, terceiro da franquia e foi “ouvido” em Kung Fu Panda 2. Mais recentemente ainda, vocês vêem ele na propaganda da Fiat, mostrando que não é porque é baixinho que tem pior qualidade. =D

Mas, vocês devem se perguntar como Dustin Hoffman, o homem, a lenda, se prestou a fazer propaganda de carro. Mal sabem vocês que nos anos 60, antes de estourar no cinema, quando ainda participava de peças off-Brodway, ele JÁ vendia carros na TV. Sim, ele fez uma mais do que safardana e embaraçosa proapaganda para uma concorrente da Fiat, a Volkswagen. Na propaganda de seu mais novo lançamento da época, Hoffman brinca dentro do carro, falando de inovações tecnológicas como “relógio no painel” e ‘carpete de fora a fora” no chão do carro. É ou não é de cair o c* da bunda? Não bastasse, no final, ele revela que o carro tem 2 porta-malas, deixando o mistério de onde estaria o motor (que estava embaixo do porta-malas traseiro). Um esculacho, já que seu visual jovem não era muito melhor que o seu atual. Na verdade ele foi escolhido porque tinha um visual considerado “depreciativo” na época, o que poderia fazer o carro ter mais destaque. PODE? Confiram.




})(jQuery);